Roteiro de 2 dias em Los Angeles

Esta foi minha segunda vez em Los Angeles, mas fiz as visitas básicas de uma estreia na cidade do cinema, pois era a primeira vez da minha filha, então você pode usar este roteiro se for a LA pela primeira vez – e se for um repeteco também tenho sugestões de o que fazer além do basicão.

hollywood Estrela na Calçada da Fama

Roteiro de 2 dias em Los Angeles
dia 1 – Hollywood: chegamos a partir de Anaheim (Disneyland), Calçada da Fama, Chinese Theater, Dolby Theater, Warner Studios Tour, Griffith Park

dia 2 – chegamos a partir de Monterey (viagem consumiu boa parte do dia, foram 520 km), fizemos o check in em Venice Beach e só!

dia 3 – praias de Los Angeles:  Venice Beach e Santa Monica

Para o roteiro completo da Califórnia, leia o post Roteiro de 14 dias na Califórnia e entenderá porque dividi a estada em Los Angeles em duas “parcelas”.

Roteiro Detalhado dia 1 em Los Angeles

Deixamos o hotelzinho perto da Disneyland e fomos direto ao hotel de Los Angeles. Como ainda não era hora de check in, deixamos nossas malas na recepção e o carro no estacionamento gratuito do hotel (isso é um achado!) e fomos a pé até a Calçada da Fama. Sim, o Hollywood Celebrity  fica numa rua sem saída, atrás do Dolby Theater, localização excelente, indico!

Leia as dicas sobre a Calçada da Fama e o Chinese Theater, fotinhos e links úteis no post Vendo Estrelas em Hollywood.

los angeles hollywood
Tem loja da Disney, tem loja de chocolate Ghirardelli, tem cinema histórico

 

Deixamos o Hollywood Boulevard e fomos para o hotel fazer o check in. Não é que ganhamos um upgrade? Fiz a reserva para um quarto com duas camas queen e recebemos um apartamento com cozinha e dois quartos. Ter uma cozinha disponível é muito prático para quem viaja com bebês e crianças pequenas. Não era nosso caso, mas só gostamos porque 2 quartos permitem mais de privacidade. Saímos logo em seguida pois tínhamos o tour da Warner Studios agendado para as 12h30.

Rua Carmem Miranda, travessa da Hollywood Blvd
Carmem Miranda Square, travessa da Hollywood Blvd com a North Orange Dr.

Sobre o Tour da Warner Studios,  vou escrever um post à parte, porque tem muuuuita coisa para contar e principalmente fotos para compartilhar, então aguardem os próximos posts.

Na lojinha da Warner Studios
Na lojinha da Warner Studios

Voltamos para o hotel porque não encontramos nenhum restaurante no caminho da Warner Studios, então deixamos o carro no estacionamento novamente e almoçamos no Hard Rock Café da Hollywood Boulevard (preços no post Guia de Los Angeles).

O cadillac azul de Elvis Presley está na entrada na loja LA LA Land
O cadillac azul de Elvis Presley está na entrada na loja LA LA Land

Compramos suvenires na Loja LA LA Land, que fica na esquina da Hollywood Boulevard com a North Orange Dr e rumamos para o Griffith Park, onde fica o Observatório de mesmo nome, no alto de uma montanha, para ver o pôr do sol. Bem, nós tentamos ver, porque todo mundo teve a mesma ideia e o acesso ao observatório foi fechado por falta de espaço no estacionamento. Então a dica é: vá cedo. Ah, é lá que muita gente vai para fotografar as letras que formam a palavra Hollywood no Mount Lee. By the way, você sabia que originalmente o letreiro dizia Hollywoodland e que era anúncio para um empreendimento imobiliário? Depois de mobilização de moradores, políticos e famosos de Hollywood, a ideia do condomínio foi abandonada, mas as placas permaneceram. Décadas depois, elas foram restauradas e tiveram a ideia de deixar apenas a palavra Hollywood.

O mais perto que chegamos do Observatório Griffith
O mais perto que chegamos do Observatório Griffith

Não é o tipo de trilha que gosto, a região é árida e Los Angeles tem temperaturas altas, mas cada um sabe o que curte e o que busca em suas viagens e estou aqui para ajudar com dicas mesmo do que não curto ou do que não fiz, dando sugestões. Então se você quiser fazer a trilha para chegar perto das placas Hollywood no Mount Lee, leia este post do blog Viajoteca.

Frustrados por termos ficado no trânsito sem chegar ao objetivo, voltamos ao hotel e descansamos, porque no dia seguinte teríamos mais de 500 km de estrada até Yosemite National Park. No final deste post tem links para você ler sobre o parque. Lá, sim, vale fazer trilhas, na minha opinião.

Atualização: A Stephanie do blog Não é Berlim deu uma dica para fotografar a placa mais ou menos de perto, a partir do Hollywood Lake Reservoir.

Roteiro Detalhado dia 2 em Los Angeles

Nem vou considerar o dia 2 aqui porque foi inteiro de viagem e vou descrevê-lo quando contar sobre a CA-1, a famosa estrada costeira da Califórnia, com trechos lindos em Carmel, Monterey e Big Sur. Para efeitos didáticos, o dia 2 então é nosso dia 3 real, quando acordamos no Hotel Erwin em Venice Beach e vimos o Pacífico da cobertura, que é um bar bem legal.

untitled-86 untitled-88 untitled-89

Como vocês podem ver, esava bem nublado, mas tinha sido assim em todas as cidades do litoral, de San Diego a San Francisco, e o sol aparecia no final da manhã (ou não aparecia, como em Monterey). Era setembro, final de verão, e o clima estava parecido com o de SP, precisando de uma blusinha de manhã e de noite, e um calorão na hora do almoço.

celular-79
A vista do quarto não era tão legal quanto do rooftop, mas quis mostrar para vocês verem como as ruas no quarteirão atrás da praia são estranhas. O clarão ali atrás é o mar, tá?

Passeamos pelo Ocean Front Walk de Venice Beach, que é uma faixa larga pavimentada onde as pessoas andam de bicicleta, de skate e de patins e caminham. Observamos a “arquitetura” totalmente diferente de tudo o que tínhamos visto na Califórnia. OK, não dá pra falar de arquitetura: eram lojas entupidas de produtos de gosto duvidoso, estilo Brás (bairro historicamente industrial e agora comercial de São Paulo). Muitos nóias caminhavam ali e os “artistas” dos quais eu tinha lido a respeito… bem tire suas conclusões pela foto abaixo. Estou soando preconceituosa, mas o que vi não era legal, não era estético… era Arte?

untitled-108
“Arte” em Venice Beach. Pelo menos o cachorrinho é simpático
Tipo de mercadoria comercializada no Boardwalk de Venice Beach
Tipo de mercadoria comercializada no Boardwalk de Venice Beach

Conversei com outras dois amigos que estiveram em Venice Beach e tive opiniões bem diferentes a respeito. Uma amiga que foi com a filha de 5 anos e achou o lugar super família e um amigo que pratica skate e foi com a turma para o berço do skate. Ele concordou comigo a respeito dos muitos drogados que circulam por ali. No hotel, a recepcionista nos aconselhou a não caminhar no Ocean Front Walk à noite. Se você quer minha opinião, se quiser se hospedar em praia, fique em Santa Monica. Só fiquei em Venice Beach porque tinha lido que o calçadão era divertido e porque os hotéis são mais baratos do que em Santa Monica.

o Ocean Front Walk de Venice Beach
o Ocean Front Walk de Venice Beach

Apesar da frequência, não tive em nenhum momento o medo que sentiria se estivesse com uma câmera fotográfica na mão em SP. Outra coisa que me chamou à atenção é que apesar dos muitos viciados em drogas circulando por ali (sério, o povo anda falando sozinho, gesticulando, a coisa é séria), as casas ao lado da praia não têm grades ou muros altos. E aí vem aquela inveja…

untitled-103

casas em Venice Beach
casas em Venice Beach

Mas a praia é bonita, tem banheiros públicos, quadras, playground,  uma faixa de areia bem larga, sem fim, cabines de salva-vidas estilo BayWatch (Malibu, Marcia, não Venice Beach!) e o mar lindo e gelado que é o Pacífico.

Venice Beach

Não sei se a praia se transforma mais tarde, pois fizemos o checkout às 10h e fomos para Santa Monica. No caminho, passeamos de carro pelos bairros de Venice Beach e lá tudo parece estar dentro da normalidade de um bairro norte-americano. Como sempre, friso que escrevo sobre as impressões que tive do lugar, então não posso afirmar que Venice Beach seja isso o que eu vi.


untitled-105

Santa Monica é um município de apenas 21 quilômetros quadrados e as atrações se concentram próximo à praia, principalmente perto do Pier. Lá fizemos umas comprinhas na Bed, Bath and Beyond (mas ou estou mega pão dura, ou o dólar está mesmo muito alto e quase nada mais compensa) e depois fomos almoçar no The Cheesecake Factory (preços no post Guia de Los Angeles), que fica no Santa Monica Place, um shopping bem legal com praça de alimentação no último andar e vista parcial do mar.

O shopping Santa Monica Place
O shopping Santa Monica Place

Outra opção para compras e para passear é o 3rd Street Promenade, uma rua de pedestres que é travessa da Broadway, em frente ao Santa Monica Place. Lá você encontra um centro de Informações Turísticas. O outro fica no Pier.

3rd street promenade
3rd street promenade

Santa Monica pier dicas

Mas a atração mais famosa de Santa Monica é seu Pier, que tem lojas, restaurantes e um parque de diversões, o Pacific Park. Mesmo que você não curta parquinhos, vale a pena passear na roda gigante por causa da vista. Os ingressos são vendidos por atração (pagamos $8 na roda gigante) na bilheteria.

Santa Monica pier

Santa Monica a partir da roda gigante
Santa Monica Beach. Molhando só os pezinhos porque a água é de doer
o que fazer em Santa Monica
o pier a partir da Roda gigante

Los Angeles Santa Monica

Legal também é registrar em foto onde termina a lendária Route 66, ali no Pier.

Get your kicks on route 66 - or on Santa Monica Pier!

O pier é ponto de encontro para ver o sol se pondo no mar e as duas escadarias de restaurantes viram arquibancadas.

untitled-135

Infelizmente perdemos o pôr do sol porque nosso voo partiria às 21h e tivemos que ir para o aeroporto, devolver o carro, aquela burocracia toda. Nosso carro ficou o tempo todo estacionado no Santa Monica Place, mas há estacionamento também no pier.

untitled-139

Se você leu um ou outro post aqui do blog, sabe que sempre me entusiasmo com os lugares para onde vou e fui. Los Angeles está longe de ser um desses lugares, mas meu voo chegava e partia de lá, então aproveitei a oportunidade de rever Hollywood e as praias. Mas você deve ter notado que deixei de fora lugares aonde os turistas costumam ir, como Rodeo Drive e Beverly Hills, porque não fazem minha cabeça. Por isso, não deixe de ler o próximo item:

O que Ficou de Fora de nossa Viagem mas Pode Entrar na sua

  • Universal Studios – mesmo que você já tenha ido na Universal de Orlando, vale visitar a de Hollywood, pois as atrações e o espaço são diferentes, embora alguns brinquedos sejam iguais. Veja outros parques do Sul da Califórnia em Guia de Los Angeles
  • Rodeo Drive – rua de comércio chique e famosa, onde Julia Roberts virou Uma Linda Mulher.
  • Beverly Hills – bairro onde moram celebridades do cinema, TV e música, com casas escandalosas.
  • Museu de Historia Natural de Los Angles – é o maior da Costa Oeste americana.
  • Getty Center em Los Angeles – Pinturas da Idade Média ao Impressionismo, mobiliário europeu de época, esculturas contemporâneas e um jardim de 134 mil metros quadrados (grande feito no clima seco e estiagem da Califórnia)
  • Getty Villa em Malibu
  • Praia de Malibu
  • Farmer’s Market de Los Angeles
  • Velejar para ver baleias, golfinhos e leões marinhos (no inverno) ou para o pôr do sol. $399 para 6 pessoas (fone 310-8812338), Boatlife Charters.
  • Hollywood & Highland – é onde fica o Hard Rock Cafe e outros tantos restaurantes e lojas de grifes famosas, mas acima de tudo é onde está o Dolby Theatre, sede da entrega do Oscar.
  • Staples Center – ginásio onde acontecem os jogos da cidade. Quem sabe em sua visita você dá sorte de assistir aos Lakers, o time local. Eu fiz isso em Miami, quando assisti a um jogo histórico do Miami Heat e contei neste post.

Post Relacionados a esta Viagem à Califórnia (é só clicar para ler)

Calçada da Fama e como encontrar seu ídolo por lá
Guia de Los Angeles
– Roteiro de 2 dias em Yosemite
Yosemite Park: guia para planejar sua viagem
Roteiro de 14 dias na Califórnia e planejamento da viagem

Não perca o que vem por aí:

  • Warner Studios Tour: de Friends a Harry Potter
  • Dirigindo na Califórnia
  • San Diego: guia da cidade, descrição de visitas no USS Midway, San Diego Zoo, Cabrillo National Monument, La Jolla e ao Balboa Park e seus museus
  • São Francisco: guia da cidade, passeio de barco pela baía de São Francisco e por Salsalito, Visita ao Exploratorium
  • Monterey: guia da cidade, 17-Mile Drive e Carmel
  • HW CA-1: os mirantes da costeira na região de Big Sur

 

Vamos trocar figurinhas! Deixe seu comentário ou dúvida:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s