Roteiro Nova Iorque – dia 6: Central Park e seu zoológico

Este post faz parte do relato de uma viagem realizada em -outubro de 2014 por dois adultos e uma pré-adolescente. Descreve o último dia – ou última manhã! em NY.

Era nosso último dia, meio dia, em Nova Iorque, pois nosso voo e retorno sairia do La Guardia às 15h. Como nunca antes na história desta viagem, acordei cedo e pulei logo da cama (por que falta gás pra fazer isso nos demais dias? preciso aprender a tomar energético!). Tomamos café na manhã no Green Café (de novo!) e enquanto meu marido levou café da manhã pra Ju eu fui fotografar o Central Park. Eu tinha cerca de 1h30 antes de reencontrá-los na bilheteria do zoológico às 10h, então foi uma maratona com pequenas pausas para contemplação. Clichê, eu sei, mas eu adoro o Central Park.

Eu em minha primeira visita ao Central Park
Eu em minha primeira visita ao Central Park, em 1996

Se você acompanhou os posts anteriores sabe que eu visitei o Central Park em faixas, leste e depois Oeste, então hoje era dia de conhecer o “miolo”, mas incluí aqui as dicas das principais atrações de todo o parque, para facilitar seu planejamento caso não queira “parcelar o parque em suaves prestações”.

untitled
O Central Park não tem nada de palmeirense, mas é uma mancha verde. Nenhuma novidade em dizer que é um oásis em meio aos arranha-céus, mas é exatamente esta a sensação. Tem 340 hectares – representando 6% da ilha de Manhattan – de árvores, lagos, gramados, quadras de tênis, campos de beisebol, rinque de patinação no inverno, playgrounds e muitas trilhas para corredores e ciclistas. Ruas também cortam o parque, você deve ter visto em filmes. Os cães também marcam presença e muitos deles são levados pelos dog walkers. Projetado no século XIX, foi o primeiro parque público dos Estados Unidos e é orgulho dos nova-iorquinos – e quintal da casa de muita gente abastada, claro.

dicas Nova Iorque

Você pode chegar pelas linhas B ou C e descer nas ruas W 59th, 72nd, 81st, 96th e 103rd. Quanto maior o número, mais ao Norte da ilha – e do parque – você estará. Se quiser, comece sua visita do centro de informações no The Dairy, caminhando de leste a oeste na rua 65th, e ganhe mapinhas e dicas. Como abre às 10h, eu não fui até lá.

dairy-l
The Dairy. Foto de centralpark.org

Eu acessei o parque pelo lado leste, em frente ao Plaza, contornando o lago (The Pond) que havia sido minha vista em primeiro plano naqueles últimos dias.

Central Parque
Central Parque

 

IMG_0639
A ponte Gapstow atual é feita de pedras e substitui a original de madeira e ferro que se deteriorou

IMG_0645

Sem mapa (metida, né?! kkkkk), dependi exclusivamente de minha memória para me localizar e reencontrar alguns pontos principais do parque. Isso também é legal, porque encontramos outros tesouros.

central park 5-0653

Muitos bancos foram doados em troca de uma plaquinha homenageando pessoas queridas que já se foram.

IMG_0393
Folhinha de carvalho grudada na placa pela água da chuva da noite anterior. Pura poesia…
central park folhas-0386
Lembrei de Monet…

Na linha da Rua 72, começando a Oeste, você vai encontrar o Strawberry Fields, área em homenagem ao ex-Beatle John Lennon, que morreu assassinado ali pertinho. A obra foi feita em um descampado com doações do mundo todo e hoje tem várias espécies de plantas, inclusive morangos (strawberry). O mosaico com a inscrição Imagine (uma de suas lindas músicas já em carreira solo) foi doado pela cidade de Nápoles, Itália. Quando visitei era dia no aniversário de Lennon e estava bem cheio de turistas e fãs.

Central Park  John Lennon

Seguindo em direção Norte, você encontrará a Bow Brige, que passa sobre o lago (The Lake). É uma das sete pontes originais do parque. Olhando as fotos, você não diria que está em Nova Iorque, aposto!

central park 2-0672
Bow Brigde

central park brigde

Central Park roteiro

Continuando na altura da 72nd em direção Leste, você sai na área mais bonita do parque, na minha opinião, e também uma das mais fotografadas: a Bethesda Fountain and Terrace. Você certamente já viu diversos filmes em que ela serviu de cenário!

central park fountain-0658 central park 2-0659 central park 8-0664

Continuando a Leste, na mesma linha da 72, você encontra uma área que eu também adoro, que é a Conservatory Water, mais conhecida como Lago dos Barcos, onde nos finais de semana as crianças participam de corridas de barquinhos movidos a controle remoto, inspiração do Luxemburgo de Paris ehehe.

central park 4-0381No inverno parte da água é retirada e com seu congelamento os barquinhos dão lugar a um rinque de patinação. A área tem um café (tivemos a sorte de música ao vivo na tarde em que estivemos lá) e no verão há contação de histórias perto da estátua de Hans Christian Andersen, o criador de O Patinho Feio, entre outras. A escultura de Alice é um “trepa-trepa” pois, diferente de outras esculturas, ali as crianças são convidadas a subir!

DSC_1844 ju alice-0379

ou o próprio criador!
Homenagem ao grande Hans Christian Andersen

Caminhando em direção Norte você vai cruzar com a Rua 79. Vire à esquerda e você sairá no Belvedere Castle, que em italiano significa vista bonita. O castelinho tem um mirante de onde se vê boa parte do parque e é ali que a temperatura da cidade é tirada.

central park castle-0681

Ali também fica o Great Lawn, o gramado que vira a praia dos nova-iorquinos no verão!

The Great Lawn no verão de 1996
The Great Lawn no verão de 1996

Como eu disse, eu tinha poucas horas. Se você quiser e puder, visite o website oficial do Central Park para se planejar e conhecer o parque por inteiro, pois tudo isso que eu falei é só a metade dele!

central park somewhere-0683

Você pode fazer o percurso mais rapidamente se for de bicicleta, mas nem todos os pontos têm ciclovias. Se quiser mesmo assim, vá até a Columbus Circle (no lado Sudoeste do parque) ou ao restaurante Tavern on the Green, que fica dentro do parque na altura da rua W 67th.

Marcia central park-1839

Maratona encerrada, me restava voltar e escolhi ir pela Quinta Avenida por se um caminho em linha reta. A calçada ainda abrigava as arquibancadas montadas para a parada do dia de Colombo, feriado americano. Encontrei minha família em frente à bilheteria do zoológico do Central Park (entre a East 66th e a 63rd). Conhecê-lo era desejo de minha filha, talvez pelo imaginário legado da animação Madagascar.

IMG_0690

DSC_1957
O panda vermelho

DSC_1965 IMG_0686

Os leões marinhos são um espetáculo! Exibidos, barulhentos e engraçados sempre agradam a todos. Mas se quiser, pode vê-los sem pagar ingresso, como o pessoal ali da foto, no portão.

Bem, se você me perguntar se vale a pena conhecer o zoo do Central Park, eu vou te dizer que não. E não é porque não tem Gloria, Alex ou Melman. É um zoo antigo, do tipo que tinha “vitrines” de animais. Com boa vontade e conhecimento, o zoo foi modernizado nos anos 1980 e hoje tem áreas mais amigáveis aos animais. Mas são poucos e como visitamos no outono e em dia de semana, algumas áreas estavam fechadas, então considere esses fatores em sua visita a NYC.

Além do Central Park Zoo, existe o Tisch Children’s Zoo, muito legal para crianças menores que vivem em cidade grande, pois há animais domésticos como cabras, ovelhas, uma vaca e porcos. Entre os dois, o relógio Delacorte, que a cada meia hora toca uma melodia. Os animais “dançam” a sua volta. Os macacos tocam o sino.

Zoo de Nova York
IMG_0706

O ingresso dava direito a uma sessão de cinema 4D do filme Rio. Claro que fomos prestigiar! É um resumão da animação e conta a história toda em 15 ou 20 minutos, mas com direito a vento e água no rosto!

IMG_0710

IMG_0771

Deixamos o parque, meu marido seguiu para o hotel e nós meninas fomos para a Fao Schwarz buscar uma Elsa (se você não vive o universo infantil, saiba que Elsa é a “Rainha Gelada”, personagem de Frozen que canta Let it Go). Sobre a Fao, leia post Lojas de Brinquedo em NY (link abaixo). Voltamos ao hotel, pegamos a mala, dei uma última olhada no Central Park da janela do quarto e tomamos um taxi para o Aeroporto La Guardia. Sobre o aeroporto La Guardia. Dicas no post com link logo abaixo.

E vamos que vamos, que tem viagem à Patagônia em breve!

Posts Relacionados (clique sobre cada título para ir ao respectivo post)

Nova Iorque: planejando sua viagem

NY em 5, 6, 7 dias

Roteiro New York: dia 1

Roteiro New York – dia 2: Upper West Side

Roteiro Nova Iorque – dia 3: Downtown

Roteiro Nova Iorque – dia 4

Roteiro NY – dia 5: Brooklyn Bridge e High Line Park

Outono e o Fall Foliage em NY

Atração turística em NY: lojas de brinquedos

Aeroporto La Guardia e Delta NY-SP NY

Anúncios

2 comentários sobre “Roteiro Nova Iorque – dia 6: Central Park e seu zoológico

  1. Meire 14 de outubro de 2015 / 18:47

    Estou indo para NY em novembro e seu roteiro foi dos melhores e mais detalhados que li. Obrigada pela generosidade em compartilhar!

    Curtir

    • mulhercasadaviaja 14 de outubro de 2015 / 18:51

      Obrigada Meire! Muito bom saber disso. Se vc ainda precisa reservar hotel, lembre-se que o blog tem parceria com o Booking e oferecemos desconto no seguro viagem para leitores. Tenha uma boa viagem!

      Curtir

Vamos trocar figurinhas! Deixe seu comentário ou dúvida:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s