A acessível trilha de Iseltwald a Giessbach pelas margens do Lago Brienz

Compartilhe:

Conteúdo do Artigo

A trilha Iseltwald-Giessbach é considerada uma das mais belas trilhas à margem de rios ou lagos suíços.  Confira como foi minha experiência, e também sobre formas mais cômodas de conhecer a bela cachoeira Giessbach. Falo também da vila Iseltwald, onde a trilha começa.

Eu não tinha feito a navegação inteira no Lago Brienz na viagem de 14 dias pela Suíça no verão, apenas pelo Lago Thun. Então conhecer Giessbach nesta viagem à Suíça estava no topo da lista de coisas para fazer na região Berner Oberland. E talvez você não tenha ideia de quantas coisas maravilhosas esta região tem! Veja na página-índice Suíça o que já publiquei a respeito.

Se você viaja pela Suíça no modo turista, é provável que chegue a Giessbach confortavelmente durante a navegação no lago Brienz. O passeio de barco está incluso no Swiss Travel Pass, e você pode descer, explorar os atrativos de Iseltwald, Giessbach, Brienz e tomar o barco novamente. Só fique de olho para não perder o barco, ou terá que fazer a trilha mesmo se não quiser! 

Iseltwald
Seeburg, o cartão postal de Iseltwald

Eu fiz a trilha de Iseltwald a Giessbach por dois motivos: 

  1. o roteiro da viagem solo à Suíça em setembro tinha trilhas como prioridade
  2. eu estava sem passe naquele dia, e como me hospedei em Interlaken, tinha direito a transporte gratuito apenas até Iseltwald. 

Então unir vantagens e objetivos resultou numa tarde agradável de caminhada à beira do lago Brienz. Avistar a Giessbach foi o prêmio pelo esforço e tempo dedicados. 

Saiba se o Swiss Travel Pass vale a pena e não deixe de ler sobre Passes Regionais e Trem na Suíça

Aproveite que a trilha começa em Iseltwald para conhecer esta vila protegida pelo governo federal suíço por sua cultura e natureza. 

Iseltwald

Iseltwald

Iseltwald fica a 14 km de Interlaken e apesar da população de cerca de 400 pessoas está sempre lotada de turistas. E nem são as vistas lindas do lago Brienz ou o castelinho Seeburg o motivo da invasão. Desde que figurou nas cenas do dorama Crash Landing on you, Iseltwald perdeu a tranquilidade e fotografar ali ficou bem difícil. Uma pena – e um problema para os moradores acostumados ao sossego característico de muitos vilarejos suíços.

Iseltwald
o disputado pier de Iseltwald

O castelo construído em 1907 e ícone de Iseltwald não é aberto a visitas, diferente do lago Thun, onde podemos visitar os castelos-museus de Thun e Spiez. Falando assim, parece que não há muito o que ver em Iseltwald, e é verdade, se você busca ‘atrações’. Como em muitos lugares da Suíça, o prazer está em caminhar pelas ruas de típicas casas alpinas, demorando-se um pouco mais na margem do lindo lago Brienz.

Fiquei me imaginando hospedada em um dos hotéis ou pousadas de Iseltwald, com quartos voltados para o lago Brienz, como o Hotel Chalet du Lac  ou o B&B boutique Bellevue. Quem sabe um dia…

trilha Iseltwald-Giessbach
Iseltwald: cercada de natureza por todos os lados – e por coreanos ahaha

Como chegar a Iseltwald

E caso você só queira conhecer Iseltwald, sem fazer a trilha, para chegar lá, além do barco e de carro, é possível tomar o ônibus 103, que parte de hora em hora. O ponto inicial é na estação de trem Interlaken West. O ônibus parece turístico, passa pela Hoheweg de Interlaken, no parque onde os parapentes aterrissam. Segue para a estação de trem Interlaken Ost, pelo vilarejo Bonigen e chega a Iseltwald Dorf em menos de 30 minutos. Dei sinal para descer um ponto antes, planejando fotografar Iseltwald do alto, mas acho que já tinha passado a parada, pois o motorista não parou.

trilha Iseltwald-Giessbach
Iseltwald era tranquila até o sucesso do dorama

Como é a trilha Iseltwald-Giessbach

Quando a estrada A8 entre Interlaken-Brienz foi construída na década de 1980, para compensar a interferência na exuberante paisagem natural, o cantão de Berna construiu também esta trilha ao longo do lago Brienz.

Como a autoestrada corre bem acima da trilha, e também passa em túneis em trechos mais longos, não se ouve o ruído dos automóveis que poderiam perturbar o prazer da caminhada.

A trilha Iseltwald-Giessbach tem 7 km de extensão (mais 7 na volta), e pode ser feita em pouco mais de 2 horas, mas apenas entre junho e outubro.  O caminho de cascalhos é todo sombreado, e segue à margem do Brienz em subidas e descidas suaves. Às vezes a trilha se afasta e não vemos o lago, mas a beleza da vegetação compensa a ausência turquesa. Outros elementos como túneis ou passagens abertas em rochas são atrativos da caminhada.

trilha Iseltwald-Giessbach

Esta é a parte central da trilha conhecida como “Trilha das 3 Cachoeiras do lago Brienz”. As outras duas são a Erschwandenbachfälle, que fica pouco depois de Bonigen, e Mülibachfäll, em Brienz.

Seguindo pela rua Schorren, em Iseltwald, você chegará  a uma bifurcação. Entre à esquerda e literalmente estará na trilha, já entre árvores. 

trilha Iseltwald-Giessbach

Tinha um machado no caminho, no caminho, tinha um machado!

Cerca de 2 km depois da bifurcação a trilha tem uma subidinha semi cruel e chegamos a uma área de piquenique. Em geral, além de mesas, bancos e grelha para assar a carne (em geral linguiças), os suíços deixam a lenha para o fogo nessas áreas de piquenique. Isso mesmo, não usam carvão. E foi então que, para minha surpresa, achei além da lenha um machado! Imagina isso no Brasil? Um machado no meio de uma floresta?! 

E foi a segurança um dos motivos de eu ter escolhido a Suíça, pela segunda vez, para viajar sozinha – e olhe que desta vez fiz trilhas, sozinha, também. 

Outro motivo é que as trilhas na Suíça são bem mantidas e marcadas, seja em marcas de tinta sobre pedras ou árvores, seja pelas placas amarelas. Mas nesta viagem aprendi que às vezes a gente erra, talvez por não entender a língua. Em algum ponto da trilha, eu vi uma bifurcação e a placa apontava a cachoeira, numa trilha de subida íngreme. Achei estranho porque era muito difícil, pouco marcada por pegadas, e se ouvia mais a estrada.

trilha Iseltwald-Giessbach

Resolvi voltar e no caminho pra baixo encontrei um rapaz que cometera o mesmo erro que eu, no final da trilha Iseltwald-Giessbach. Eu o alertei, ele hesitou – afinal sou apenas uma jovem senhora. Mas se deu por convencido e me agradeceu depois pelo esforço que garanti que ele não fizesse em vão. Então, lembre-se de que a trilha é bem marcada por pegadas, e só no ponto do piquenique e no final, já ao som da cachoeira e perto do funicular, é que o caminho é um pouco mais íngreme.

Ah, então posso tomar o *funicular em vez de caminhar até a cachoeira? Pode, mas o funicular só opera na hora em que o barco que navega o Lago Brienz chega e parte. E, afinal, se você fez a trilha até aqui, por que não continuar? 

*O funicular do lago Brienz ao Grandhotel Giessbach percorre 345m, numa elevação de 95m, e custa CHF7. A partir da estação no hotel, você caminha bem pouco. 

A trilha segue em zigzag, como mostra a imagem abaixo. Para quem vai de carro, o mapa também mostra o estacionamento.

trilha Iseltwald-Giessbach

Peguei apenas um trecho do zigzag (em rosa na imagem acima). Se eu tivesse lido um post como este, teria ido por um caminho e voltado por outro. Sorte a sua de ter chegado aqui antes de fazer a trilha Iseltwald-Giessbach!

A cachoeira ao final da trilha Iseltwald-Giessbach

Depois de almoçar no restaurante do hotel, caminhar pelas pontes da Giessbach – e perder o último funicular e barco, fiz o caminho de volta a Iseltwald. Foi bem mais rápido que na ida, pois o sol se pondo e o ônibus que tomaria de volta a Interlaken me apressavam. No ônibus que me levaria de volta a Interlaken, cansada, ganhei uma estrelinha imaginária por ter completado mais uma trilha desta viagem linda pela Suíça, a mais fácil delas!

Leia sobre o funicular mais antigo da Suíça ainda em operação, sobre o Grandhotel  e sobre a cachoeira Giessbach, um dos pontos do Grand Tour of Switzerland.

Giessbach
Marcia Picorallo

Marcia Picorallo

Escrevo o Mulher Casada Viaja com carinho desde 2014, compartilhando minhas impressões dos lugares por onde passei, inspirando e ajudando leitores a planejar suas aventuras.

Índice

Márcia, a viajante

Márcia, a viajante

Bem-vindo a bordo - e nem precisa apertar os cintos! Escrevo o Mulher Casada Viaja com carinho desde 2014, compartilhando minhas impressões dos lugares por onde passei, inspirando e ajudando leitores a planejar suas aventuras.

SAIBA MAIS

Assine a Newsletter

Resolva sua Viagem

Hospedagem

Faça suas reservas de hotel, apartamento ou B&B

Aluguel de Carro

com parcelamento e isenção de IOF, no caso de aluguel no exterior

Viagem Segura

Viaje com Seguro, viaje tranquilo!

Roteiro Personalizado

Não pode planejar tudo sozinho e prefere contar com minha ajuda? Clique .

Artigos Recentes

Leia Também

Siga no Instagram

Planeje sua Viagem Aqui

Blogs de viagem são muito úteis no planejamento de viagem e gratuitos para o leitor, mas têm um custo para serem mantidos no ar – além do trabalho para edição. Se você gostou das dicas do Mulher Casada Viaja, saiba que pode retribuir e contribuir para que continuem chegando gratuitamente a quem busca inspiração e informação de qualidade. Basta clicar sobre os links de nossos parceiros. Você planeja sua viagem e retorna a gentileza:

Aluguel de Carro

com parcelamento e isenção de IOF, no caso de aluguel no exterior

Hospedagem

Faça suas reservas de hotel, apartamento ou B&B

Ingressos sem Fila

Ingressos de atrações, excursões e tours

Viagem Segura

Viaje com Seguro, viaje tranquilo!

Roteiro Personalizado

Não pode planejar tudo sozinho e prefere contar com minha ajuda? Clique .

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine a nossa Newsletter!

Cadastre seu e-mail e receba conteúdos exclusivos por e-mail.